- Nenhum comentário

Joelma Carla de Surubim está entre as estreantes na Assembleia Legislativa de Pernambuco.


Joelma Carla do meio

Pela primeira vez na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), um grupo de cinco mulheres passa a ocupar uma das 49 vagas da casa.

Sob o codinome “Juntas”, o grupo, filiado ao PSOL, foi eleito com 39.175 votos e pretende dividir, além do gabinete e das decisões políticas, a remuneração e os benefícios financeiros.

O grupo é formado pela jornalista Carol Vergolino, pela estudante de letras Joelma Carla, pela ambulante Jô Lima, pela professora Kátia Cunha e pela advogada Robeyoncé Lima.

A estudante Joelma Carla de 20 anos é de Surubim, ela é estudante e vai dividir com as demais o mandato compartilhado.

Nas urnas, o grupo foi representado pela ambulante Jô Cavalcanti, que, segundo o Tribunal Regional Eleitoral, é a representante legal das cinco. 

“Vamos dividir tudo. Desde os salários até as decisões, que vão chegar para nós através de um conselho político composto por movimentos sociais. A representante sou eu, mas tudo vai ser dialogado”, afirma Jô.

Joelma Carla a primeira da esquerda para a direita


FONTE G1 PERNAMBUCO.

0 comentários:

Postar um comentário